O Festival

A agroecologia e o ecoturismo, mais do que temas atuais, são caminhos para um modelo alimentar, econômico e cultural mais inclusivo, sustentável e ecologicamente correto. O atual modelo alimentar e econômico preza pouco pela saúde, pelo meio ambiente, ao abusar do veneno sobre a mesa dos brasileiros. Foi com essa visão que diversas organizações e parceiros se somaram a Rede Livres – Produtos do Bem para realização do 1º Festival de Agroecologia e Ecoturismo do leste paulista, nos dias 1 e 2 de dezembro de 2018, no Cefol – Centro de Lazer e Formação dos Trabalhadores Químicos, na cidade de Valinhos.

HISTÓRICO

O 1 º Festival mobilizou aproximadamente 500 pessoas, entre público interessado, produtores, consumidores conscientes e organizações parceiras que assumiram a construção do evento. A adesão foi abaixo do esperado, dada a chuva que acometeu a região no final de semana. No entanto, para evitarmos esse cenário na 2ª edição, mudamos a data do evento, que em sua segunda edição ocorrerá nos dias 5 e 6 de outubro. Houve também forte engajamento de pessoas interessadas, em especial na internet. Em pouco tempo de divulgação (os meios como site, facebook e instagram foram criados há 3 semanas do evento), houve ótima recepção e engajamento, com maior destaque para o facebook, que contou com 3 mil curtidas na página e 78 mil visualizações nos posts do evento. O preço de entrada foi popular, sendo R$ 10 por dia do evento e se repetirá na 2ª edição.

O CEFOL

O Cefol, Centro de Formação e Lazer, foi inaugurado em dezembro de 2005, às margens da Rodovia Dom Pedro I, no Km 118, em Valinhos. Está localizado a apenas 15 minutos de Campinas. O espaço tem uma área total de 162 mil m², com capacidade para receber até 15 mil pessoas por dia. A área conta com uma grande infraestrutura de lazer e convivência; piscinas, lagos, parque infantil, salão de jogos, apartamentos, quiosques e muito mais. Isso tudo cercado por mata nativa. O Cefol foi criado para atender trabalhadores do ramo Químico das Regionais de Campinas e Osasco e já se consagrou como o espaço permanente de realização do festival.